Rio Grande - Domingo, 20/10/2019
:: 90 anos do Porto de Rio Grande
:: Artigo
:: Cartas
:: Colunas
:: Comunidade
:: Curtas
:: Economia
:: Editorial
:: Empreendedor
:: Especial
:: Esportes
:: Foto da Semana
:: Geral
:: Pier News
:: Rio Grande - 270 anos
:: Variedades

:: Min. º
:: Max. º
Câmbio Compra Venda
U$ com. - -
U$ par. - -
Indicador Valor
Poup. Dia -



Empreendedor 04/11/2002

Empresa da área de esquadrias está localizada no bairro Buchholz

Trabalho voltado à metalurgia na cidade

Há 18 anos no mercado, a Metalon se tornou uma das maiores empresas rio-grandinas no comércio de esquadrias. A loja foi criada pelo empresário Edilon Rocha, de 48 anos, que assumiu a gerência em sociedade com a esposa.
Rocha se transferiu de Canguçu para Rio Grande há 32 anos atraído “por um povo hospitaleiro e progressista, além da possibilidade concreta de trabalhar em uma indústria”, conta ele. O empresário afirma ter, desde jovem, uma tendência para o ramo da metalurgia, das esquadrias. Assim, voltado para a área industrial, Rocha conseguiu uma vaga na Cotrijuí (atual Termasa), onde atuou nos mais diversos setores por 16 anos (foi seu primeiro trabalho como profissional), e de onde adquiriu toda a experiência para inaugurar a Metalon, no bairro Junção.
Instalada em uma pequena área de 150 metros quadrados, a empresa trabalhava no início somente com a confecção de estruturas metálicas, como portões de ferro, além de realizar serviços de automação. Paralelamente, Rocha fabricava gaiolas para botijões em parceria com uma companhia de gás de cozinha, com quem manteve uma parceria durante os quatro anos em que trabalhou na Junção. Apenas dois funcionários lhe auxiliavam nas atividades.
Os negócios foram crescendo de forma gradativa, mas o local apresentava carência de segurança e de infra-estrutura. Um novo prédio começou a ser construído no bairro Buchholz, mas os negócios não pararam: uma grande quantidade de alumínio foi armazenada para ser transferida ao novo local. “Depois das chuvas, a loja instalada na Junção alagava com facilidade, e não tínhamos sequer um esquema de segurança razoável. Sempre defendi que uma coisa não pode esperar a outra e, se tens de construir algo, é melhor começar logo”, comenta o empresário.
O crescimento foi ainda maior com a transferência, e ainda com a ajuda do filho. Entre os principais serviços da loja, atualmente, está a confecção de esquadrias em ferro e alumínio, janelas, portas, basculantes, boxes para banheiro, cortinas de aço e automatização de portões. “É preciso muito trabalho, honestidade e fidelidade com a clientela. Tens de ver o cliente como um parceiro. A qualidade do produto e a rapidez na entrega, obviamente, também são fatores essenciais”. Assim, Rocha explica o sucesso de sua bem-sucedida empreitada em Rio Grande.



17/07/2007
- INFORME EMPRESARIAL

23/01/2006
- Analisando o setor da construção civil

17/01/2006
- Investindo pesado no esporte rio-grandino

09/01/2006
- Rumo às vendas do futuro

03/01/2006
- Sucesso no mercado de parafusos

26/12/2005
- Ele se considera um cidadão da Zona Sul

21/12/2005
- A concorrência é a maior aliada

12/12/2005
- O segredo da gastronomia é a qualidade

06/12/2005
- O sucesso nas vendas depende do trabalho duro

29/11/2005
- Novo conceito no ramo da construção civil

1  2  3  4  5  >   

     C o m e n t á r i o     

    I n d i c a r    N o t í c i a     

    I m p r i m i r
Participe do Jornal Bom Dia, que agora é diário, o que gostarias de ver mais em nosso jornal?
Classificados
Notícias de jovens (baladas, variedades, vestibular)
Notícias de desenvolvimento da cidade
Vou escrever um e-mail e mandar minha opinião
Câmara de Comércio
Câmara de Vereadores
Pesca Rio Grande
Porto do Rio Grande
Prefeitura Municipal
Rio Grande Virtual
Universidade do Rio Grande