Rio Grande - Segunda-feira, 19/08/2019
:: 90 anos do Porto de Rio Grande
:: Artigo
:: Cartas
:: Colunas
:: Comunidade
:: Curtas
:: Economia
:: Editorial
:: Empreendedor
:: Especial
:: Esportes
:: Foto da Semana
:: Geral
:: Pier News
:: Rio Grande - 270 anos
:: Variedades

:: Min. º
:: Max. º
Câmbio Compra Venda
U$ com. - -
U$ par. - -
Indicador Valor
Poup. Dia -



Empreendedor 08/08/2003

Turma da Alegria faz shows contratados e a entidades filantrópicas

Uma brincadeira que virou em bom negócio

A criatividade para quem quer empreender não tem limites. A falta de profissionais para animação de festas infantis em Rio Grande levou José Carlos Dias Rover, juntamente com um amigo, a se vestir de palhaço e divertir a garotada. A brincadeira deu certo e passou a ser levada a sério com a criação de uma agência especializada no assunto: a Turma da Alegria. No dia 9 deste mês, o grupo estará completando 21 anos.
Conforme José Carlos, tudo começou em 1982 quando era promotor de eventos da Sociedade Cultural Águia Branca. “Precisei fazer uma festa para crianças e tive muita dificuldade de contratar animadores. Então eu e outras pessoas da diretoria nos vestimos com fantasias de carnaval e tudo acabou dando certo”, conta ele. No início, os empreendedores animavam apenas festas para o clube, mas devido à grande procura, resolveram fazer apresentações em outros locais. “Começamos a receber convites de empresas e entidades para animar eventos e acabamos nos dedicando mais à atividade”, relata.
Alguns anos depois, o grupo integrou-se à Ximbica da Alegria, criada por Claudir Nobre. Nessa época eles chegaram a realizar excursões animando festas por todo Estado. Com o fim da sociedade, José Carlos reabriu a Turma da Alegria, com a esposa, Lúcia Rover, e a atriz, Lúcia Martins. “Só para ter uma idéia, durante esses 21 anos de existência, mais de 300 pessoas, entre atores, diretores e equipe técnica, já trabalharam com a gente”, explica.
Apesar de animar muitos eventos para empresas e festas particulares, José Carlos faz questão de salientar que a Turma da Alegria também costuma realizar apresentações gratuitas para entidades filantrópicas. “Temos uma satisfação muito grande em trabalhar para crianças carentes. Isso é algo que sempre fizemos e continuaremos fazendo, mesmo com tantos compromissos”.
Há cerca de quatro anos a Turma da Alegria vem mantendo com muito sucesso um programa na TV Mar, no estilo de sua especialidade, que é o teatro pastelão. O programa é realizado ao vivo, todos os dias, a partir das 18h. “A maior parte da produção é feita com nosso próprio dinheiro, apesar de termos dois patrocinadores. Isso a gente faz porque gosta. E o resultado é que mais de 15 mil crianças assistem ao nosso programa”, afirma.



17/07/2007
- INFORME EMPRESARIAL

23/01/2006
- Analisando o setor da construção civil

17/01/2006
- Investindo pesado no esporte rio-grandino

09/01/2006
- Rumo às vendas do futuro

03/01/2006
- Sucesso no mercado de parafusos

26/12/2005
- Ele se considera um cidadão da Zona Sul

21/12/2005
- A concorrência é a maior aliada

12/12/2005
- O segredo da gastronomia é a qualidade

06/12/2005
- O sucesso nas vendas depende do trabalho duro

29/11/2005
- Novo conceito no ramo da construção civil

1  2  3  4  5  >   

     C o m e n t á r i o     

    I n d i c a r    N o t í c i a     

    I m p r i m i r
Participe do Jornal Bom Dia, que agora é diário, o que gostarias de ver mais em nosso jornal?
Classificados
Notícias de jovens (baladas, variedades, vestibular)
Notícias de desenvolvimento da cidade
Vou escrever um e-mail e mandar minha opinião
Câmara de Comércio
Câmara de Vereadores
Pesca Rio Grande
Porto do Rio Grande
Prefeitura Municipal
Rio Grande Virtual
Universidade do Rio Grande