Rio Grande - Quarta-feira, 18/10/2017
:: 90 anos do Porto de Rio Grande
:: Artigo
:: Cartas
:: Colunas
:: Comunidade
:: Curtas
:: Economia
:: Editorial
:: Empreendedor
:: Especial
:: Esportes
:: Foto da Semana
:: Geral
:: Pier News
:: Rio Grande - 270 anos
:: Variedades

:: Min. º
:: Max. º
Câmbio Compra Venda
U$ com. - -
U$ par. - -
Indicador Valor
Poup. Dia -



Geral 18/07/2007

Trabalhos são desenvolvidos pelos grupos de renda do município




Feira de Artesanato ajuda a renda da comunidade


Até o dia 28 deste mês, acontece no hipermercado Guanabara (na rua Salgado Filho), a 3ª Feira de Artesanato dos Grupos de Geração de Renda, promovida pelas secretarias municipais da Cidadania e Assistência Social (SMCAS) e da Saúde (SMS). O evento pertence ao Programa de inclusão de famílias em vulnerabilidade social, que oportuniza uma alternativa de renda, potencializando recursos e a vocação econômica da comunidade.
Através dos trabalhos desenvolvidos pelos grupos de renda do Centro Municipal Comunitário da Hidráulica, (Cras), Grupo de Convivência de Idosos da Barra e Hidráulica, Centro de Referência da Assistência Social, Grupos de Geração de Renda do Programa Saúde da Família (PSF), dos grupos terapêuticos do Centro de Atenção Psicossocial (Caps) Conviver e do Programa Agente Comunitário de Saúde (Pacs) de bairros do município, diversos trabalhos estão sendo apresentados.
Os trabalhos que foram desenvolvidos, através de aulas ministradas por profissionais de cada aérea, fazem parte da exposição, tais como: Oficina de crochê e pintura, bijuterias, tecelagem, costumização, arte de corte e costura e elementos naturais.
Segundo a agente comunitária, Karen Marqueti, o local escolhido favorece o fluxo de visitantes, já que ao sair do hipermercado visualiza-se os artesanatos. “As pessoas vem aqui, olham e acham os nossos preços bem acessíveis”, afirma.
Para a aluna de pintura e crochê, Francisca Mota, moradora do bairro Cidade de Águeda, é muito importante ver os trabalhos desenvolvidos no bairro sendo apresentados para toda a comunidade. “Há seis meses participo das aulas e estou muito feliz, ganhei uma nova renda”, diz.
Para a professora aposentada, Eneida de Souza, que passou no local para observar os trabalhos expostos, disse que os preços estão acessíveis, e que irá retornar para fazer umas compras para a casa. “Compro algum trabalho e ajudo a comunidade da cidade, assim fico feliz”, diz.
Segundo a assistente social da SMCAS, Rejane Petry, o objetivo destes trabalhos que são desenvolvidos com a comunidade nos bairros é fazer com que essas mulheres incluam-se no mercado de trabalho, através das técnicas que lhe foram repassadas. “Elas podem trabalhar em casa e vender para a população do próprio bairro”, salienta.
Os bairros que estão presentes na feira são: Barra Nova, Bernadeth, Caic, Castelo Branco, Cidade de Águeda, Dom Bosquinho, Domingos Petroline, Hidráulica, Ilha da Torotama, Mangueira, Parque Marinha, Profilurb, Santa Rosa, São Miguel, Taim, Vila Braz, Vila da Quinta e 4ª Secção da Barra.
Gabriela Torales



14/07/2007
- Movimento no setor naval exige vôos extras para cá ...
- Unimed inaugura Espaço Vida em Rio Grande
- Feirantes reúnem-se com secretário
- Comunidade assiste ao filme Pedro e Paulo

13/07/2007
- Prazo para pagamento do IPVA 2007 encerra-se na próxima...
- Andrade defende desenvolvimento do transporte hidroviár...
- Um pedaço da tradição colonial no coração da Fenadoce
- Workshop trata de monitoramento ambiental na área do po...
- Entidades assistências receberão doações
- CDL realiza assembléia na segunda

1  2  3  4  5  >   

     C o m e n t á r i o     

    I n d i c a r    N o t í c i a     

    I m p r i m i r
Participe do Jornal Bom Dia, que agora é diário, o que gostarias de ver mais em nosso jornal?
Classificados
Notícias de jovens (baladas, variedades, vestibular)
Notícias de desenvolvimento da cidade
Vou escrever um e-mail e mandar minha opinião
Câmara de Comércio
Câmara de Vereadores
Pesca Rio Grande
Porto do Rio Grande
Prefeitura Municipal
Rio Grande Virtual
Universidade do Rio Grande