Rio Grande - Quarta-feira, 18/10/2017
:: 90 anos do Porto de Rio Grande
:: Artigo
:: Cartas
:: Colunas
:: Comunidade
:: Curtas
:: Economia
:: Editorial
:: Empreendedor
:: Especial
:: Esportes
:: Foto da Semana
:: Geral
:: Pier News
:: Rio Grande - 270 anos
:: Variedades

:: Min. º
:: Max. º
Câmbio Compra Venda
U$ com. - -
U$ par. - -
Indicador Valor
Poup. Dia -



90 anos do Porto de Rio Grande 14/11/2005









Porto é divido em vários segmentos de carga

Porto Velho
É destinado á atracação de navios pesqueiros, rebocadores e o navio Atlântico Sul, da Fundação Universidade Federal do Rio Grande (Furg). Parte dos armazéns abriga museu do porto, o Museu Náutico.

Porto Novo
É o local da movimentação de cargas diversificadas. Por lá ocorre o embarque ou desembarque de produtos para a produção de fertilizantes, polietileno, gado vivo, contêineres e veículos.

Produtos químicos e petroquímicos

Copesul
Terminal de tancagem destinado à armazenagem de produtos petroquímicos produzidos no Pólo Petroquímico do Rio Grande do Sul e estocagem de gás liquefeito. Tem capacidade de armazenamento estática total, para petroquímicos líquidos, de 40 mil metros cúbicos (10 tanques); e, para gás liquefeito, de 2.600 metros cúbicos. Está interligado ao Píer Petroleiro, podendo efetuar operações em ambos os cais. Dentre os produtos com os quais trabalha, podemos citar benzeno, etil-benzeno, xileno, MTBE, metanol e gás liquefeito. Capacidade de recepção de 90 metros cúbicos para caminhões; e 350 metros cúbicos para embarcações.

Petrobras
Terminal destinado ao recebimento e embarque de produtos derivados de petróleo e ácidos para fabricação de adubos. Este terminal também é especializado no fornecimento de bunker (combustível para navios). O Píer Petroleiro está interligado por tubovias aos terminais Copesul, Granel Química, Amoniasul, Roullier e Bunge Fertilizantes. Possui cinco tanques para armazenagem de derivados de petróleo, com uma capacidade de armazenamento estática de 22.500 metros cúbicos; dois tanques para armazenagem de álcool, com capacidade total de 10 mil metros cúbicos e dois tanques para armazenagem de benzeno, com capacidade total de 8.700 metros cúbicos. A capacidade de recepção é de 350 metros cúbicos//hora.

Trevo
Especializado em movimentação de matérias-primas para fertilizantes e produtos químicos. Possui um cais com possibilidade de operação simultânea de dois navios, e com uma capacidade de expedição de 6 mil toneladas/dia. O terminal oferece três armazéns, com uma área de armazenagem de 42 mil metros quadrados, e capacidade estática de 250 mil toneladas. Tem ainda cinco tanques com capacidade de estocar 60 mil toneladas de produtos químicos (ácidos fosfórico e sulfúrico). A capacidade de recepção é de 2 mil toneladas/dia para caminhões, 400 toneladas/dia para trens e 12 mil toneladas/dia para embarcações. A capacidade de expedição é de 8 mil toneladas/dia.

Amoniasul
Especializado na estocagem de amônia líquida para abastecimento das indústrias de fertilizantes. Está interligado ao Píer Petroleiro por tubovia. Possui um tanque com capacidade de armazenamento estático de 15 mil toneladas. (25.300 metros cúbicos). O terminal possui uma capacidade de recepção de 650 toneladas/hora.

Instalações no cais

Granel Química
Destinado à armazenagem de granéis líquidos, produtos químicos, petroquímicos e derivados de petróleo. O terminal está interligado ao Píer Petroleiro, através de duas tubovias, e possui uma capacidade de recepção de navios de 450 metros cúbicos/hora; de caminhões de 100 metros cúbicos/hora. As instalações compreendem dezesseis tanques, sendo dois de aço inoxidável, para produtos químicos especiais, constituindo uma capacidade de armazenamento total, de 29.600 metros cúbicos. A capacidade de expedição, para navios, é de 330 metros cúbicos/hora, e para caminhões, de 540 metros cúbicos/hora.

Bünge fertilizantes
Indústria de fertilizantes localizada na área retroportuária, e interligada por tubovia ao Píer Petroleiro. Possui seis armazéns, com uma área total de armazenagem de 170 mil metros quadrados, representando uma capacidade de armazenamento estática de 60 mil toneladas. A capacidade de recepção desta fábrica é de 5.200 toneladas/dia, e de expedição de 2.500 toneladas/dia, podendo operar tanto no modal rodoviário quanto ferroviário. Possui ainda cinco tanques para armazenagem de ácido sulfúrico e fosfórico, num total de 11 mil toneladas de capacidade.

Roullier do Brasil
Indústria de fertilizantes localizada na área retroportuária, e interligada por tubovia ao Píer Petroleiro. Possui dois armazéns, com uma área total de armazenagem de 112.000m², representando uma capacidade de armazenamento estática de 62.000t. A capacidade de recepção desta fábrica é de 6.000t/dia, e de expedição de 2.400t/dia, podendo operar tanto no modal rodoviário quanto ferroviário. Possui ainda sete tanques para armazenagem de ácido sulfúrico e fosfórico, num total de 34.600t de capacidade.

Contêineres

Tecon
Terminal especializado na movimentação e armazenagem de contêineres. Ocupa uma área total de 670 mi metros quadrados, dos quais 200 mil são destinados à estocagem de contêineres em pátios pavimentados. Possui um armazém coberto com 17 mil metros quadrados de área para armazenagem de cargas. A recepção dessas cargas é feita através de dez gates de entrada e saída. Seu cais está equipado com dois portêineres Post Panamax, dois auto-guindastes e um guindaste, o que possibilita a operação simultânea de dois navios. A movimentação interna dos contêineres é atendida por oito reach stackers (41 toneladas), quatro top loaders (37 toneladas), três top loaders (15 toneladas), três front loaders (9 toneladas), e 60 outros equipamentos. A capacidade estática é de 15 mil TEUs. Apresenta produtividade operacional de 40 contêineres/hora, em média.

Granéis agrícolas

Bünge Alimentos
Terminal portuário especializado na armazenagem e movimentação de grãos, farelos e óleos vegetais, para exportação. Possui dois armazéns graneleiros, com uma área total de 42 mil metros quadrados, capacidade de armazenamento estática de 157 mil toneladas, podendo receber 5.000 toneladas/dia via rodoviária e 3.000 toneladas/dia via ferroviária. Para armazenagem de óleos vegetais, o terminal possui cinco tanques, com capacidade total de 42 mil toneladas. O terminal portuário está ligado à unidade fabril de esmagamento de soja e fabricação de óleo degomado, com uma capacidade de 4 mil toneladas/dia. Na expedição, a capacidade do terminal é de 600 toneladas/hora.

Bianchini
O terminal oferece quatro armazéns graneleiros, com capacidade de armazenagem estática de 900 mil toneladas de granéis agrícolas, distribuídas em 91.350 metros quadrados, possibilitando uma expedição de 2 mil toneladas/hora. O terminal possui ainda oito tanques, para depósito de óleo de soja degomado, numa capacidade 50 mil toneladas. Sua capacidade de recepção é de 2 mil toneladas/hora via rodoviária, 2 mil toneladas/hora via ferroviária, e 750 toneladas/hora via hidroviária. Além de operar com grãos e farelos, esse terminal vem realizando a exportação de cavacos de madeira, através da ligação com o terminal Tanac S/A, na retroárea. A capacidade de expedição do terminal é de 2.600 toneladas/hora de grãos e 2 mil toneladas/hora de farelo.

Tergrasa
O terminal Tergrasa é o maior terminal da América Latina para operações de granéis agrícolas. Possui dois armazéns graneleiros, com área total de 37 mil metros quadrados e capacidade de armazenagem estática de 152 mil toneladas. A capacidade de recepção é de 1.500 toneladas/hora via rodoviária, 750 toneladas/hora via ferroviária, e 1.500 toneladas/hora via hidroviária. Tem ainda um silo graneleiro vertical, cuja área soma 6.400 metros quadrados, e uma capacidade de armazenagem estática de 130 mil toneladas. A capacidade de carregamento de navios é de 3 mil toneladas/hora, operando com dois carregadores. Apresenta como característica única, a existência de cais coberto, permitindo a carga e descarga de barcaças graneleiras, com qualquer condição climática. Além de operar com grãos e farelos, esse terminal vem realizando armazenagem e exportação de cavacos de madeira.

Termasa
Possui oito armazéns graneleiros, cada um com uma área de 4 mil metros quadrados e capacidade de armazenagem de 27.500 toneladas de granéis agrícolas. A capacidade de recepção é de 500 toneladas/hora via rodo-ferroviária, e 500 toneladas/hora via hidroviária. Para o depósito de cargas líquidas, possui dois tanques, com capacidade total de 10 mil toneladas de óleo vegetal. A capacidade de armazenagem total do terminal é de 220 mil toneladas de granéis agrícolas, operando tanto na exportação quanto na importação destes produtos. Na expedição, a capacidade do terminal é de 2 mil toneladas/hora.



28/06/2007
- Movimentação no porto aumenta 6,92% em cinco meses do ...

14/11/2005
- Porto do Rio Grande e Molhes da Barra: há 90 anos de br...
- Área ambiental tem recebido bastante atenção
- Veículos são a vedete da movimentação no cais
- Ex-diretor conta como o Porto se tornou moderno e compe...
- Funcionária aposentada diz que o Porto foi sua segunda ...
- Comemorações de aniversário terão programação variada
- Com a palavra...
- Benefícios do Porto vão além das fronteiras da economia
- Superintendente afirma que Porto do Rio Grande conquist...

1   

     C o m e n t á r i o     

    I n d i c a r    N o t í c i a     

    I m p r i m i r
Participe do Jornal Bom Dia, que agora é diário, o que gostarias de ver mais em nosso jornal?
Classificados
Notícias de jovens (baladas, variedades, vestibular)
Notícias de desenvolvimento da cidade
Vou escrever um e-mail e mandar minha opinião
Câmara de Comércio
Câmara de Vereadores
Pesca Rio Grande
Porto do Rio Grande
Prefeitura Municipal
Rio Grande Virtual
Universidade do Rio Grande