Rio Grande - Quarta-feira, 21/08/2019
:: 90 anos do Porto de Rio Grande
:: Artigo
:: Cartas
:: Colunas
:: Comunidade
:: Curtas
:: Economia
:: Editorial
:: Empreendedor
:: Especial
:: Esportes
:: Foto da Semana
:: Geral
:: Pier News
:: Rio Grande - 270 anos
:: Variedades

:: Min. º
:: Max. º
Câmbio Compra Venda
U$ com. - -
U$ par. - -
Indicador Valor
Poup. Dia -



Editorial 22/05/2006
Dique Seco

Os rio-grandinos iniciaram a semana com uma boa notícia: finalmente o sonho de transformar o município num pólo naval está sendo concretizado. No dia 10 a Petrobrás anunciou oficialmente o Estaleiro Rio Grande como o vencedor da licitação para a construção do primeiro dique seco do país. O empreendimento permitirá que a estatal brasileira construa e dê manutenção a plataformas de exploração de petróleo. Serviço que hoje é feito em estaleiros de Singapura.
Os benefícios que a implantação do pólo naval trará não se restringem apenas a Rio Grande, mas também aos demais municípios da região. Essa é uma oportunidade para que a tão marginalizada Metade Sul cresça no ritmo do resto do Estado.
Como acontece com as montadoras de automóveis. As fábricas atraem uma série de outras indústrias, que vão prestar serviços e fornecer materiais para a montadora. Com o dique seco, além de dois mil empregos diretos que serão gerados, uma série de empresas também serão beneficiadas, aumentando a oferta de empregos na região.
Estamos falando do primeiro dique seco do país, através de um investimento de mais de R$ 150 milões. Não só isso, mas do estaleiro com maior dique seco da América do Sul, o que coloca Rio Grande na mira dos grandes investimentos. E conseqüentemente na mira dos interesses políticos. Portanto é hora de pensar também em duplicação das rodovias e outros benefícios estruturais para o município.
É hora de aproveitar a onda de coleguismo político gerado pelo Pacto Pelo Rio Grande (Estado), promovido pela Assembléia Legislativa. Também podemos interpretar os investimentos no setor portuário como a construção da P-53 pela Quip, as obras do cais do Tecon, a dragagem do canal e agora a construção do dique seco como um Pacto Pelo Município de Rio Grande, ou melhor, um Pacto Pela Metade Sul do Estado, que tem contado com a mobilização dos setores político e empresarial no sentido de atrair esses investimentos.
Agora, as forças políticas e empresariais rio-grandinas e da região precisam se unir novamente e fazer com que esses investimentos feitos na região reverta em reais benefícios para a comunidade. Os empregos que serão gerados requerem mão-de-obra altamente especializada, por isso é hora de começar a pensar também na qualificação profissional da nossa população.



20/06/2006
- Cuidado com o 13

05/06/2006
- A Taça do Mundo é Nossa

15/05/2006
- Barrado no baile

08/05/2006
- Campanha

04/05/2006
- Dois assuntos

24/04/2006
- Motoboys

17/04/2006
- Denúncia

03/04/2006
- O país dos inocentes

28/03/2006
- Falcão, meninos do tráfico

20/03/2006
- Alckmin sempre foi a melhor opção

1  2  3  4  5  >   

     C o m e n t á r i o     

    I n d i c a r    N o t í c i a     

    I m p r i m i r
Participe do Jornal Bom Dia, que agora é diário, o que gostarias de ver mais em nosso jornal?
Classificados
Notícias de jovens (baladas, variedades, vestibular)
Notícias de desenvolvimento da cidade
Vou escrever um e-mail e mandar minha opinião
Câmara de Comércio
Câmara de Vereadores
Pesca Rio Grande
Porto do Rio Grande
Prefeitura Municipal
Rio Grande Virtual
Universidade do Rio Grande