Rio Grande - Terça-feira, 23/05/2017
:: 90 anos do Porto de Rio Grande
:: Artigo
:: Cartas
:: Colunas
:: Comunidade
:: Curtas
:: Economia
:: Editorial
:: Empreendedor
:: Especial
:: Esportes
:: Foto da Semana
:: Geral
:: Pier News
:: Rio Grande - 270 anos
:: Variedades

:: Min. º
:: Max. º
Câmbio Compra Venda
U$ com. - -
U$ par. - -
Indicador Valor
Poup. Dia -



Artigo 05/07/2007
Medo da Luz Adilson Luiz Gonçalves*

Ler é maravilhoso! E tudo deve ser lido, e não apenas o que é imposto.
O conhecimento favorece ao discernimento, e a ignorância raramente é uma opção pessoal: normalmente é um projeto de poder de terceiros, que impedem ou restringem o acesso ao conhecimento como estratégia de dominação.
Para estes, somente os “iniciados” podem ter acesso a certas informações e, mesmo assim, depois de rigorosa seleção e aceitação incondicional de condições pouco claras, que tendem a dominar em vez de libertar.
Só que o esclarecimento deveria aproximar os seres humanos. A obscuridade só serve para promover discriminações!
O ideal seria se todos os saberes estivessem disponíveis nas livrarias e bibliotecas convencionais e virtuais. Mas isso é utópico numa sociedade onde poucos querem viver de muitos, onde livros ainda são proibidos, escondidos ou queimados, e onde muitos autores fabricam lendas e cultos com o objetivo de arrebanhar seguidores dentre os mais pretensiosos, alienados, ingênuos ou desesperados. Alguns deles, aliás, adoram construir um clima de tabu em seus textos, tornando a leitura de seus livros um ato quase sobrenatural, uma odisséia em busca do pote no fim do arco-íris ou uma chave para desvendar segredos de polichinelo. É o caso de vários livros sobre esoterismo, auto-ajuda e, até, religiosos, que usam os primeiros capítulos para “preparar” o leitor: exaltando os “bons resultados” atingidos por seus leitores. Então, depois do espírito aguçado propõem: “Só prossiga a leitura se estiver preparado para algo novo...”. Assim, transferem a responsabilidade pelo sucesso da “viagem” para o leitor-aprendiz, isentando-se de responsabilidade por eventuais fracassos físicos ou psicológicos. Ah! Para “evoluir espiritualmente” é preciso entregar-se, sem questionamentos! É preciso abrir a mente... E o bolso!
Na maioria dos casos, os únicos que ganham com isso são autores e editoras, pois suas “doutrinas” vêm expressas em coleções intermináveis, onde cada novo título funciona como uma nova migalha na trilha que conduz o “pássaro” a uma armadilha psicológica. O leitor torna-se literalmente “cativo”!
Não há nenhum problema em lê-los; o risco está no objetivo do leitor, que pode deixar-se encantar pela possibilidade de estar, de fato, obtendo um diferencial de superioridade em relação aos outros quando, na verdade, pode estar mergulhando de cabeça no poço sem fundo da estupidez. Ou, quem sabe, ele não está interessado em luz, mas em poder! Se for o caso, esse é o tipo de indivíduo capaz de recorrer a qualquer meio para alcançar o que não merece por competência. Está claro que sua fé não está em si ou em Deus, mas no que é, por princípio, obscuro. O “esclarecimento” que procura só lhe interessa se permitir, em tese, que a ordem natural das coisas seja alterada em proveito próprio!
Cá entre nós: não há como buscar luz nas trevas! Quem se oculta nelas o faz por ter medo da luz! E quem oculta uma luz nas trevas, evitando que ela ilumine a todos, não é um discípulo do conhecimento, mas um feitor da ignorância!
“O ideal seria se todos os saberes estivessem disponíveis nas livrarias”



18/07/2007
- Cai o Pano

17/07/2007
- Possibilidades e Limites dos Textos Digitais

13/07/2007
- A Vida Imita a Arte- Adilson Luiz Gonçalves*

12/07/2007
- Amor em Paz-Adilson Luiz Gonçalves*

11/07/2007
- A Nossa Água de Cada Dia

10/07/2007
- Futebol: A Metáfora da Vida

09/07/2007
- E Tudo Começou no Braço

06/07/2007
- Ex-alunos e o futuro das universidades

04/07/2007
- Água um bem futuro

30/06/2007
- Justiça e Fazer Justiça - Tenente-Coronel Augusto César...

1  2  3  4  5  >   

     C o m e n t á r i o     

    I n d i c a r    N o t í c i a     

    I m p r i m i r
Participe do Jornal Bom Dia, que agora é diário, o que gostarias de ver mais em nosso jornal?
Classificados
Notícias de jovens (baladas, variedades, vestibular)
Notícias de desenvolvimento da cidade
Vou escrever um e-mail e mandar minha opinião
Câmara de Comércio
Câmara de Vereadores
Pesca Rio Grande
Porto do Rio Grande
Prefeitura Municipal
Rio Grande Virtual
Universidade do Rio Grande