Rio Grande - Terça-feira, 22/10/2019
:: 90 anos do Porto de Rio Grande
:: Artigo
:: Cartas
:: Colunas
:: Comunidade
:: Curtas
:: Economia
:: Editorial
:: Empreendedor
:: Especial
:: Esportes
:: Foto da Semana
:: Geral
:: Pier News
:: Rio Grande - 270 anos
:: Variedades

:: Min. º
:: Max. º
Câmbio Compra Venda
U$ com. - -
U$ par. - -
Indicador Valor
Poup. Dia -



Empreendedor 05/07/2004

COMPETÊNCIA: a jovem Ana está à frente de uma das mais conceituadas empresas de decoração da cidade




Assim é um empreendedor de sucesso

Quem entra no Studio da Madeira, na rua Aquidaban, e encontra marceneiros sujos de serragem, a cortar lâminas de madeira, em meio ao barulho infernal das máquinas, pensa que está diante de uma oficina qualquer de marcenaria. Mas se engana, pois na realidade acabou de entrar em uma empresa de decoração. Idéia da empresária Ana Bárbara Kwecko, com mais de dez anos de experiência em decoração de ambientes, o Studio é especializado em móveis sob medida, para clientes que desejam fugir dos padrões impostos pelo mercado. Esse diferencial, garante ela, tem despertado no rio-grandino uma grande sofisticação quando se trata de mobiliar casas e escritórios.
Ana é uma mulher decidida. Desde muito cedo, com apenas 15 anos de idade, começou a trabalhar. Ela já fez de tudo um pouco, chegou até mesmo a ser professora de ginástica aeróbica, mas foi no ramo das vendas que ela se destacou. “Já vendi de tudo, até mesmo telhas de porta em porta”, conta. Em 1994, começou a trazer para Rio Grande os mais variados tipos de telhas e a oferecer diretamente para engenheiros e arquitetos. “Eu tinha que carregar uma bolsa com as amostras, pesando mais de vinte quilos. Isso era importante, não adiantava levar apenas um catálogo, porque o cliente precisava ver o produto e tocá-lo”, diz.
A partir do negócio das telhas, Ana percebeu que faltava na cidade uma empresa especializada em revestimentos e, juntamente com uma sócia, abriu uma loja para suprir essa necessidade. Foi nesse período que ela tomou contato com o ramo da marcenaria. “Começamos a prestar serviços de revestimentos em madeira para órgãos públicos. Principalmente para navios”, conta. O empreendimento durou até o fim da sociedade, em 1997. A partir daí, ela resolveu montar no local da loja uma marcenaria para fabricar móveis sobre medida.
Hoje, os móveis fabricados por sua oficina já se igualam em termos de qualidade em relação aos principais centros moveleiros do país. “O rio-grandino não precisa mais ir até a Serra para encomendar móveis de qualidade. Trazemos os mesmos materiais utilizados pelas marcas mais famosas e ainda projetamos, juntamente com os clientes, o resultado final dos produtos”, destaca.
A paixão pela indústria moveleira realmente mexeu com essa empreendedora de sucesso. Tanto que ela concluirá em breve um projeto para a implantação de uma fábrica de móveis, buscando o mercado internacional. O investimento estimado para esse negócio é de R$ 1 milhão. Mesmo assim, Ana está confiante de que, até o próximo ano, ela começa a fabricar móveis em grande escala. “Qualquer cidade pode se tornar um grande centro moveleiro, e Rio Grande tem uma vantagem por ser uma cidade portuária. Pensando nisso, estou para concluir o projeto e partir para buscar investimentos no sentido de colocá-lo em prática”, conclui.



02/05/2005
- Ele passou de funcionário a patrão

25/04/2005
- Nedislau trocou a informalidade pelo comércio formal

18/04/2005
- Ponto é estratégico para o sucesso no comércio de frang...

11/04/2005
- Casal acreditou no Parque São Pedro e o negócio evoluiu

04/04/2005
- ‘Paulinho Batera’ uniu o útil ao agradável

29/03/2005
- Edison abriu mão de emprego estável para dedicar-se ao ...

21/03/2005
- Comerciante local tem condições de negociar melhor com ...

14/03/2005
- Cláudio Ávila criou um novo conceito em padaria

07/03/2005
- Nelci diz que todo negócio precisa ser bom para os dois...

28/02/2005
- Pinheiro tem 24 anos de atuação na Cidade Nova

1  2  3  4  5  >   

     C o m e n t á r i o     

    I n d i c a r    N o t í c i a     

    I m p r i m i r
Participe do Jornal Bom Dia, que agora é diário, o que gostarias de ver mais em nosso jornal?
Classificados
Notícias de jovens (baladas, variedades, vestibular)
Notícias de desenvolvimento da cidade
Vou escrever um e-mail e mandar minha opinião
Câmara de Comércio
Câmara de Vereadores
Pesca Rio Grande
Porto do Rio Grande
Prefeitura Municipal
Rio Grande Virtual
Universidade do Rio Grande